Quer ler o que?

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

Histórias da vida.

Ouvi meu professor dizendo que as histórias da vida só começam no terceiro colegial.

Discordo.

Posso narrar inúmeras histórias engraçadíssimas, só de sentar em frente ao computador.. histórias que acontecerem durante todos os outros anos da minha vida.. como o dia em que eu coloquei um espuma de almofada no nariz e minha mãe descobriu dias depois, ou o dia do episódio "sushi" ( se eu contar essa história, as chances de eu não acordar amanhã são extensas), também a sexta feira em que eu e a eva decidimos voltar da escola a pé pra casa (minha escola fica uns 10 km do nosso condomínio, sem maldade), o churrasco na casa do pedro, o churrasco na casa da bruna, o dia da badden e da pizza, da escova presa no cabelo, e teve a vez que eu fui pra praia com uns amigos e o carro quebrou na praia, e viajando um pouco mais no passado teve o episódio da vaca que tomava toddy.

Cada dia que vivemos monta a nossa vida, e as histórias nao precisam ser épicos, e sim coisas pequenas que involuntariamente ficam na nossa mente.

Frases, reações.. como o restaurante "+kid+" (que nome tosco).
as histórias da vida nao tem data pra começar, ou período de duração. Elas simplesmente existem.

4 comentários:

  1. sim, a vaca tomando toddy.
    ps. outro dia o potato lembrou dele e da thaisa presos na gaiola do coelho, dps da hora do intervalo! HIAOAIO

    ResponderExcluir
  2. Bruzinha linda dnovo.5 de abril de 2009 20:54

    :S só animals

    ResponderExcluir
  3. "Não me lembro de ter feitos amigos ninguem tomando leite"..Essas freses são otimas mas, nem sempre reais .. Ter estórias e histórias pra se contar.. nada como uma roca de fogo.. quem senta na calçada pra ver a banda passar..não poderá ver um holofote acender...Sapo

    ResponderExcluir
  4. Tem também o dia que vc caiu do cavalo, a história da linguiça na chapa quente (shhhhhhhh) que eu conheço em versão bilingüe... sem falar na da ervilha no canto da sala rsrsrsrsrsrs Esse blog tá ótimo! Bjs Keka

    ResponderExcluir

Receber comentário anônimo não faz sentido. Assinem!